Atualmente podemos fazer a emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico utilizando 6 tipos de modais, que são eles:  Rodoviário, Aéreo, Aquaviário, Ferroviário, Dutoviário e o Multimodal .

Neste post iremos tratar da emissão do   CT-e Multimodal  e do  CT-e Vinculado ao Multimodal.  O CT-e Multimodal é emitido quando o transporte das mercadorias utiliza mais de um tipo de modal, por exemplo, se a mercadoria é transportada parte por caminhões (pelo modal rodoviário) e parte via transporte aéreo.

Já o CTe Vinculado ao Multimodal são os CT-es do tipo Rodoviário, Aéreo, Ferroviário e etc que possuem o CTe Multimodal vinculado neles.

 

      No processo de emissão, o primeiro passo é emitir o CT-e Multimodal, abaixo veremos como fazer este tipo de emissão:

O CTe Multimodal deve ser emitido por uma empresa previamente cadastrada na SEFAZ para este tipo de emissão. Quando a empresa é habilitada para emitir o CT-e multimodal ela é chamada de  OTM: "Operador de Transporte Multimodal  ".

Este CT-e emitido pela OTM precisa possuir a tag "modal" do XML igual a 6, desta forma:  06  , e também deve possuir o grupo  , que irá receber o Número do Certificado do Operador de Transporte Multimodal na tag cOTM e o indicador de Negociável. A tag fica desta forma:

 
 
    <infModal versaoModal="2.00">
   <multimodal>
      <COTM>12345678912345678912COTM>
      <indNegociavel>0indNegociavel>
   multimodal>
infModal>      

já os demais dados podem seguir a mesma estrutura dos CT-es comuns.

Neste CTe devem estar declaradas as informações dos produtos que compõem a carga, valores e impostos, além das informações de remente e destinatário.

 

      O segundo passo é emitir os CTes Vinculados ao MultiModal:

Após a autorização do CTe Multimodal, vamos agora montar os CTes Vinculados ao Multimodal (no mínimo serão 2), os modais informados serão de acordo com o tipo do CTe (Rodoviário, Ferroviário, Aéreo,...) e o Tipo de Serviço precisará ser do tipo 4, "Serviço Vinculado a Multimodal.". A tag no XML ficá parecida com este exemplo:

 
 
    <modal>01modal>
<tpServ>4tpServ>      

 

Neste CT-e também deve ser  referenciada a chave do CT-e Multimodal já autorizado  . A chave dele deve ser informada na tag refCTe, e no XML fica desta foma dentro do XML:

 
 
    <refCTE>41160921548745214584574116092154874521458457refCTE>      

 

Por último, este CT-e  não deverá possuir dados dos itens da nota e nem de valores  , pois tais dados já estarão vinculados ao CT-e Multimodal previamente emitido, e o  Expedidor do CT-e Vinculado ao MultiModal precisa ser o Emitente do CT-e Multimodal  anteriormente emitido (caso tenha alguma dúvida sobre os participantes envolvidos na emissão do CTe, segue o que explica o papel de cada um:
 

Muitas vezes aparecem dúvidas com relação aos participantes de um CTe, quem seria o Emitente, Tomador, Remetente e o Destinatário, para facilitar a compreensão nos criamos este post, segue abaixo uma definição dos mesmos: 


Emitente ....: Quem gera o CTe;  
Tomador ....: Quem paga o frete;  
Remetente .: Quem esta enviando a mercadoria;  
Destinatário : Quem receberá a mercadoria;

Quanto ao Recebedor e ao Expedidor, vamos estudar os seguintes casos:

 

  1. Transportadora A vai realizar o transporte da carga cujo o Remetente é a Empresa X e o Destinatário é a Empresa Y.  
    Logo o Emitente é a Transportadora A, o Remetente é o X o Destinatário é o Y e o Tomador é quem vai pagar o frete, portanto pode ser o X ou o Y.
  2. Temos duas transportadoras A e B envolvidas no transporte da carga cujo o Remetente é a Empresa X e o Destinatário é a Empresa Y. 

Neste caso temos que dividir o transporte em duas etapas e consequentemente temos 2 Conhecimentos.

Primeira Etapa Conhecimento emitido pela Transportadora A:  
Emitente: Transportadora A  
Remetente: Empresa X  
Destinatário: Empresa Y  
Tomador do Serviço: Empresa X, Empresa Y ou Recebedor  
Recebedor: Transportadora B

Segunda Etapa Conhecimento emitido pela Transportadora B:  
Emitente: Transportadora B  
Remetente: Empresa X  
Destinatário: Empresa Y  
Tomador do Serviço: Empresa X, Empresa Y ou Expedidor  
Expedidor: Transportadora A

Esta seria uma breve descrição dos participantes. Em caso de dúvida envie-nos uma mensagem! Será um prazer ajudar!


 

Clique AQUI e solicite informações para o software para emitir o seu CTe!

Sabia que a partir do dia 01 de janeiro de 2017 o emissor de CTe da Sefaz será desativado e o download interrompido? Leia nosso post sobre o fim emissor da Sefaz!